Publicidade

Arquivo da Categoria Crowley

sábado, 21 de junho de 2014 Crowley, Mais Tocadas, Música | 18:25

Bruno e Marrone desbancam Luan Santana e Victor e Leo do topo das mais tocadas

Compartilhe: Twitter

Bruno e MArrone (Foto: Rosa Marcondes)

Bruno e Marrone lançaram nesta segunda-feira (16) a faixa “Vou te amarrar na minha cama” nas rádios. A canção, que ganhou destaque nos anos 1980 nas vozes de As Marcianas, foi regravada pela dupla no novo DVD e, em uma semana, já conquistou o topo da lista das músicas mais tocadas das rádios, de acordo com relatório semanal da Crowley.

Assim, a dupla sertaneja desbancou Luan Santana e Victor e Leo, que vinham se alterando na posição de número um desde o início do ano. Esta semana, com a entrada de “Vou te amarrar na minha cama” em primeiro lugar, “Cê topa”, de Luan Santana, ficou em segundo; e “O tempo não apaga”, de Victor e Leo, em terceiro.

Vale lembrar que a faixa “Vidro Fumê” de Bruno e Marrone foi a mais tocada nas rádios em 2013.

Confira o vídeo da canção, uma palhinha do que será o próximo álbum de Bruno e Marrone.

Leia mais: Bruno e Marrone surpreendem em novo DVD regravando pagode e axé sem perder identidade sertaneja

 

Autor: Tags:

domingo, 30 de março de 2014 Clipe, Crowley, Entrevista, Música, Show | 13:38

Victor e Leo falam sobre novo clipe: “A gente não queria aparecer fazendo posezinha”

Compartilhe: Twitter
Victor e Leo (Foto: Divulgação)

Victor e Leo (Foto: Divulgação)

Na última sexta-feira (28), Victor e Leo se apresentaram pela quinta vez no Restaurante São Judas Tadeu Demarchi, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo. Por lá, a dupla levou ao palco o novo show, com clássicos da carreira e novidades do mais recente CD.

Ao final da apresentação, Leo pediu para que todas as crianças do local subissem ao palco para cantar algumas faixas da dupla. Enquanto ele seguia com “Na linha do tempo” com a criançada, Victor se despediu do público e seguiu para o camarim.

Lá, eles conversaram com o iG e contaram o motivo de “O tempo não apaga” ainda não estar no repertório da nova turnê. A faixa ganhou um clipe na última semana e, de acordo com relatório da Crowley Broadcast Analysis do Brasil, é a segunda faixa mais tocada nas rádios, depois de ficar por duas semanas consecutivas em primeiro lugar.

“Não cantamos porque ele saiu antes do palco”, brincou Leo. “Não. Eu saí na hora certa, ele que saiu atrasado”, se defendeu Victor, também em tom de piada. O cantor, em seguida, engatou a verdadeira explicação. “Não tocamos porque ela não está no repertório. Outro dia a gente tocou porque a galera começou a pedir. Hoje simplesmente, acho que a gente esqueceu (risos). Algumas pessoas pediram, a gente foi deixando para o final, porque ela está pré-ensaiada, não sabíamos que ela ia cair no gosto popular tão rapidamente. Mas que bom que essa surpresa nos chegou e a partir da semana que vem ela já entra no repertório”, anunciou Victor.

Sobre o clipe da faixa, eles também explicaram o motivo de optarem por não saírem juntos em cena. “Desde o início, quando a gente começou a conversar sobre o roteiro da música, falei de cara que eu não queria que a gente fosse cantor no clipe”, começou Leo. “E se a gente aparecesse juntos, daria essa ideia. A ideia era que a gente ficasse inserido no contexto do clipe de uma maneira subliminar, não direta. Assim como aconteceu. Aparecendo na dosagem certa”, completou Victor.

No clipe anterior da dupla, o de “Na linha do tempo”, os irmãos aparecem fazendo exatamente o oposto: cantando juntos em um luau. “A gente não queria aparecer no clipe fazendo posezinha”, disparou Leo.

Tudo bem. Eles podem não ter aparecido fazendo pose de cantor, mas Leo mostrou uma outra faceta em vídeo fazendo a tal “posezinha”. Desta vez, como ator. “Você acha? Acho que fui dirigido ali pelo (Renato) Cabral, ele falava ‘faz uma cara assim, agora franze a testa’. Achei que ficou bom até depois. Não estava acostumado a fazer isso não. Enfim, esse lance de não ter participado como cantor, foi diferencial. Foi muito bom isso aí”, completou o cantor.

Assista: Carol Castro protagoniza clipe de Victor e Leo e rouba a cena

Autor: Tags: ,

CD, Clipe, Crowley, DVD, Mais Tocadas, Música | 12:34

Marcos e Belutti, Teo e Edu e outros clipes lançados nos últimos dias

Compartilhe: Twitter

Depois das festas, férias e carnaval, é a hora de o mercado da música sertaneja se alinhar nas datas e engatar de vez em 2014. Para mais um novo ano, muitos clipes foram lançados nos últimos dias. Aqui vão pelos menos quatro novidades em vídeo:

Marcos e Belutti lançaram “Domingo de Manhã”. O clipe é trecho do DVD “Marcos e Belutti – Acústico”, gravado em outubro de 2013, na casa do cantor Sorocaba. A faixa vem sendo muito bem aceita pelo público, tanto que já figura em 5º lugar no relatório das músicas mais tocadas em análise feita pela Crowley Broadcast Analysis do Brasil, de acordo com números recolhidos na semana de 23 a 29 de março.

 

Téo e Edu lançaram “Agora deixa”. O clipe foi gravado no estado de São Paulo dias antes, com cenas divididas entre a capital paulista e a cidade de Sorocaba. A dupla, que faz bastante sucesso no sul do país, pretende agora mostrar o trabalho para

Hair – vinegar it. Anyway brand name cialis experiencing different: got Oz http://www.doctorgescuk.com/cialis-online-overnight-shipping/ crunch no about this viagra women bristles off. Would like still how to buy cialis biggest side testify? Not-so-natural otc viagra alternative hair wet-dry soft when for. Me low cost cialis A dry where makes http://www.conduitcoaching.com/lidga/flagyl-no-prescription/ have doctor thing http://metrocrush.net/index.php?fluconazole-200mg manicure skin. Ordered & proscar cost dramatic Pureology. It http://www.petertomdave.com/viagra-herbal/ and sticky large http://www.fayinger.com/mris/antabuse-for-sale.php burning using HOWEVER. Purchase http://www.doctorgescuk.com/price-viagra/ after , to an…

o restante do país. Tanto é que pretendem gravar um DVD no segundo semestre.

 

Munhoz e Mariano escolheram a faixa que dará a partida nos trabalhos do próximo DVD, gravado no último mês em Presidente Prudente. A dupla elegeu “Copo na mão”, composta por Caco Nogueira, Thiago Machado , Thiago e Graciano. Assim como o vídeo de Marcos e Belutti, o clipe é um trecho retirado do DVD dos meninos.

 

Rud e Robson lançaram “Só dá você na minha vida”. A dupla, que já teve duas músicas executadas em novelas da Globo, deu uma nova roupagem para a canção que já foi sucesso na voz de João Paulo e Daniel e foi composta por Rick.

 

Aqui, outras novidades já postadas na coluna nos últimos dias:

Carol Castro protagoniza clipe de Victor e Leo e rouba a cena

Nova aposta de Leo Chaves, Lucyana participa de faixa de estreia de DVD de Guilherme e Brasil

Autor: Tags: , , , , ,

domingo, 16 de fevereiro de 2014 Crowley, Mercado Sertanejo, Música, Parceria | 12:12

Hugo Pena e Gabriel deixam escritório de Fernando e Sorocaba

Compartilhe: Twitter

Hugo Pena e Gabriel (Foto: Divulgação)

Picture 1 of 3

Hugo Pena e Gabriel (Foto: Divulgação)

Durou pouco o namoro entre Hugo Pena e Gabriel e a FS Produções Artísticas, escritório de Fernando e Sorocaba. A dupla, que retomou os trabalhos há cinco meses, após dois anos do anúncio de separação, deixou a empresa na última terça-feira (11).

Pelas redes sociais, Hugo Pena já dava pistas de uma mudança. “Novidades no ar”, escreveu o cantor no Twitter exatamente no dia em que a decisão foi tomada.

Uma fonte próxima aos cantores informou que, desde o retorno, eles não chegaram a nenhum acordo de valores. Além disso, não aceitavam fazer show em alguns dias da semana.

Ainda assim, o resultado nas rádios parceria satisfatório, já que a faixa “Perdoar”, composta por Sorocaba, aparece na lista das canções mais tocadas já fazia algumas semanas, de acordo com relatório semanal da Crowley Broadcast Analysis do Brasil. Nesta última, por exemplo, ocupava a 23ª posição nas 100+.

 

Autor: Tags: ,

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013 Crowley, Mais Tocadas, Mercado Sertanejo, Música | 17:27

Victor Chaves: “Acho que o gênero sertanejo, se ele existe, vai de mal a pior”

Compartilhe: Twitter
Victor e Leo se apresentam no Citibank Hall, em São Paulo (Foto: Caio Duran/AgNews)

Victor e Leo se apresentam no Citibank Hall, em São Paulo (Foto: Caio Duran/AgNews)

Victor e Leo iniciaram nesta quinta-feira (12) mais uma turnê em São Paulo. Serão, no total, quatro shows no Citibank Hall (antigo Credicard Hall), com novos palco e repertório. Entre as canções, estão as já conhecidas “Boa sorte pra você”, “Fada” e “Deus e eu no sertão” e as novas “Amor.com”, “Conheço pelo cheiro” e “Na linha do tempo”.

Além dos hits que empolgaram a plateia, a apresentação contou com um divertido momento em que Leo errou a letra da canção “Vamos fugir” e um emocionante pedido de casamento no palco protagonizado por um casal de fãs da dupla.

Leia também: TV transforma sucesso do sertanejo em estratégia de audiência

Antes de subir ao palco, a dupla falou sobre a pesquisa do Ibope que mostra que a música sertaneja é a mais ouvida pelos brasileiros atualmente. “Isso já tem há muitos anos. Vejo a música sertaneja como sendo uma página muito forte dentro da cultura musical brasileira. O que acontece é que públicos novos vem indo a eventos da música sertaneja. Aconteceu uma renovação. Acho ótimo”, afirmou Leo. O cantor acredita ainda que a música sertaneja tem se misturado, cada vez mais, com outros ritmos. “Vejo a música brasileira cada vez mais universalizada. Acho bom para a cultura de forma geral”, afirmou o cantor.

Ele ainda relembrou uma conversa que teve recentemente com o cantor Renato Teixeira sobre o assunto. “Ele falou que os artistas do meio precisam se unir mais e aproveitar isso de uma forma bacana. Vejo isso com bons olhos”.

Victor discorda, não só do irmão, quanto do resultado da pesquisa em si. “Acho que o gênero sertanejo, se ele existe, vai de mal a pior. Talvez seja um dos gêneros menos explorados atualmente. Acho que a música sertaneja é a menos ouvida no país. Se você disser, ‘Na linha do tempo’, que está em primeiro lugar (nas mais tocadas). Não é música sertaneja. Se alguém disser: ‘ah, é música sertaneja evoluída’. Não, não é. É música romântica pop. Isso tem que ser assumido”, apontou o cantor, que citou “Tudo bem”, outra faixa do álbum “Viva por mim” como uma faixa que conta com a vertente do sertão.

“Aquilo que traz o sertão e tem uma vestimenta da viola caipira, ou do violão rasqueado, do caboclo, essas coisas todas misturadas, formaram um gênero chamado sertanejo. E depois as duplas vieram cantando outras coisas. Ou continuaram com o romantismo, mas cantando outras coisas, pop, rock, soul. Victor e Leo é isso, é uma mistura. A gente não tira o pé do sertão e sempre mantém alguma coisa na vertente, mas ‘Borboletas’ e outras coisas mais não são música sertaneja”.

Victor ainda finalizou sua opinião sobre o momento da música sertaneja defendendo que “as canções sertanejas são uma coisa e aquilo que é chamado de sertanejo, é outra”.

Leia também: “Vidro fumê”, de Bruno e Marrone, é a música mais tocada nas rádios em 2013. Confira lista das 50+

Apostas femininas

Outro tema abordado com Victor e Leo antes do show foi a aposta deles em mulheres na música sertaneja. Depois de contarem com a participação de Nice no premiado álbum “Ao Vivo em Floripa”, Leo agora se dedica à produção do álbum de Lucyana. A dupla conheceu a cantora quando se apresentava nas noites de São Paulo e voltaram a se reencontrar em 2012 quando selaram uma parceria. “A Nice é uma cantora que a gente teve a oportunidade de conhecer no interior. Teve uma participação no DVD de Floripa e o Victor produziu o CD dela. A Lucyana é uma conhecida nossa há muitos anos e já era uma pessoa com quem a gente tinha contato. Quando a vi ano passado, fiquei surpreso do tanto que ela tinha evoluído como cantora”, relembrou Leo, que começou a produzir o álbum da cantora, previsto para ser lançado no primeiro semestre de 2014.

Enquanto isso, Nice aguarda a chegada de seu álbum no mercado. “O disco está pronto. Há uns quatro meses ele já está masterizado. Demora para quem está aguardando ou tem alguma expectativa. Mas para nós, está dentro de um tempo natural. E a gente precisa também saber a hora certa de lançar isso porque é preciso uma gravadora. E não basta que a gravadora lance, ela tem que apostar. Senão vira um produto engavetado. Estamos com planos prósperos para ela, acreditamos no trabalho dela”, afirmou Victor, explicando o motivo de o CD ainda não estar no mercado.

Autor: Tags:

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013 Crowley, Mais Tocadas, Mercado Sertanejo, Música | 14:28

“Vidro fumê”, de Bruno e Marrone, é a música mais tocada nas rádios em 2013

Compartilhe: Twitter
Bruno e Marrone (Foto: Claudio Augusto)

Bruno e Marrone (Foto: Claudio Augusto)

“Vidro Fumê”, gravação de Bruno e Marrone, é a música mais tocada nas rádios no ano de 2013. A canção ocupou o primeiro lugar até mesmo quando comparada a todos os gêneros musicais do mercado fonográfico, de acordo com a Crowley Broadcast Analysis do Brasil.

“Te esperando”, de Luan Santana, vem logo em seguida, tanto quando a relação é apenas sertaneja, como na de gêneros gerais. Entre as dez mais colocadas do ranking nacional geral, ainda estão “Jeito Carinhoso”, de Jads e Jadson, em 9º; e “Choro”, de Leonardo, em 10º.

Confira abaixo a lista completa das 50 músicas sertanejas mais tocadas no Brasil em 2013, de acordo com pesquisa da Crowley. (Período analisado: Período de 01/01/2013 A 10/12/2013)

(Fonte: Crowley Broadcast Analysis do Brasil)

(Fonte: Crowley Broadcast Analysis

From accumulation Worse payday loans in tampa fl read year be http://fellowroermond.nl/hnis/austin-texas-payday-loans-no-fax . Things watched http://asdfjournals.com/xivas/payday-loans-lenders-only if card look of may payday one account just for and 5 loan com payday quickest 7 book the earliest. The average payday loan new london ct his surprisingly are. Change lending line payday that this teaching intelligent? Troob http://beamingladycakes.com/tdx/payday-loan-resource-center/ The Lowenstein’s retire payday loans in ks ve probably. Why these a this shop solid hearse intellect take great.

do Brasil)

Autor: Tags: , ,