Publicidade

Arquivo da Categoria Família

domingo, 15 de março de 2015 Família, Música, Saúde, Show | 11:47

Emoção toma conta de primeiro show de Milionário sem José Rico

Compartilhe: Twitter
Milionário faz primeiro show após morte de José Rico (Foto: Divulgação)

Milionário faz primeiro show após morte de José Rico (Foto: Divulgação)

Milionário realizou na madrugada deste sábado (14) o primeiro show sem a presença de José Rico. O cantor, conhecido como Zum, morreu no dia 3 de março, aos 68 anos. A missa de sétimo dia de Zé rico aconteceu na Igreja Matriz Velha, em Americana, no dia 10 de março.

Milionário subiu ao palco de Paranavaí, no Paraná, e fez sua primeira apresentação sem o companheiro. Zé, por diversas vezes durante o show, esteve presente no telão. Uma das pessoas da família que estava presente no local contou que o choro era geral entre o público.

Leia também:

Morre cantor José Rico, parceiro musical de Milionário

Famosos lamentam morte de José Rico

 

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 21 de outubro de 2014 CD, Família | 18:32

Hudson fala sobre gravação de CD em clínica: “Naquele momento de isolamento, me senti útil”

Compartilhe: Twitter

Edson e Hudson (Foto: AgNews)

Picture 1 of 8

Edson e Hudson reuniram a imprensa, nesta terça-feira (21), no Villa Country, em São Paulo, para falar sobre o período de internação e reabilitação (leia no iG Gente), além de anunciar a data de estreia da turnê “Conectados” e, consequentemente, o retorno de Hudson aos palcos. O dia 4 de novembro, no Villa Country, promete ser não só a volta de Hudson às apresentações, mas também o retorno aos tempos áureos da dupla. “É o melhor show da nossa vida. Passeia nesse tempo todo de sucesso da nossa carreira. A viola voltou ao show, que passeia pelo country, rock e o caipira. Tem para todos os gostos”, afirmou Edson. “Vai de Tonico e Tinoco até Steve Vai”, completou Hudson.

O cantor, aliás, vai poder mostrar seu tradicional trabalho com as guitarras, coisa que não pode fazer durante a gravação do DVD. Quem colocou os acordes do instrumento em estúdio foi Márcio, da dupla Márcio e Douglas, músico que tem Hudson como inspiração. “Vou tocar a guitarra que ele gravou, colocando minha personalidade e improviso. Mas como ele se espelhou em mim para tocar guitarra, não está difícil. É uma nova escola aprender a tocar com o aluno”, elogiou Hudson.

Apesar de não ter tocado guitarra, Hudson, mesmo na clínica, colocou voz e participou de boa parte da produção do álbum, a pedido do irmão, Edson. “Não foi nenhuma sugestão médica. O Edson foi lá, disse que seria importante eu participar. Aí, levaram o estúdio até a clínica. Foi bacana porque, naquele momento de isolamento, me senti útil. Para mim, o mundo tinha acabado. Aquilo foi um up na minha vida”, comentou.

“Conectados”

Para Edson, o novo CD representa uma nova fase da dupla. E a explicação da escolha do nome da turnê, que ganhará faixas do álbum, reforça essa ideia. “É porque estamos conectados de verdade agora, com o amor, os fãs, a saúde e o bem estar”.

Durante três meses, Edson trabalhou sozinho na produção, mas considerou essencial a participação de Hudson no projeto. Sobre a escolha das faixas, o sertanejo também mostrou que houve um cuidado muito grande neste período. “Em vez de procurar compositores, preferi a gente fazer as composições para ficar mais com a nossa cara”.

Apesar de terem acabado de lançar um CD, Edson e Hudson já pensam em um novo projeto: um DVD. “Pretendemos gravar um super DVD, com proporções especiais e pretendemos levar a estrutura para os palcos, mas com medida reduzida. Tudo é uma questão de adequar”, afirmou Hudson, sobre a ideia de levar toda a produção do projeto para palcos menores. “Somos pé no chão. O envelope precisa ser legal, mas o conteúdo tem que ser mais ainda. Não adianta ter estrutura e, na hora H, não levar sua experiência”.

Leia também: Hudson após internação: “Antes, anestesiava problemas na bebida. Agora, encaro”

 

Leia mais: Edson fala sobre ausência do irmão nos palcos: “Não está sendo fácil”

Autor: Tags:

domingo, 17 de agosto de 2014 Entrevista, Família, Música | 13:50

Dablio e Phillipe: “Nosso plano é conquistar o mundo”

Compartilhe: Twitter

Dablio e Phillipe (Foto: Divulgação)

Um levou sua carreira musical para as telonas e interpretou Zezé Di Camargo jovem no filme “Dois Filhos de Francisco”. O outro nasceu num meio completamente musical, tendo como pai, Luciano Camargo e, como tios, Zezé e Leonardo.

Em março de 2013, Dablio e Phillipe, que se conheciam desde o lançamento do longa, decidiram juntar forças e montar uma dupla sertaneja. “Liguei para o Phillipe e propus nos encontrarmos para bater um violão. No primeiro dia que cantamos juntos tivemos a certeza de que algo bom estava por vir”, contou Dablio. “Minha vida toda eu esperei a oportunidade certa para poder subir aos palcos. O Dablio me procurou após um destrato com seu antigo empresário e nos demos muito certo. Inclusive as vozes se encaixaram muito bem e assim começamos a nos dedicar para podermos lançar à dupla”, completou Phillipe, que disse ter sonhado com esse momento desde os tempos de criança.

“Acredito que todos já imaginavam. Isso foi amadurecendo ao longo dos anos. Minha família com certeza me deu todo apoio e carinho que pra mim é fundamental pra poder seguir em frente”.

Agora, os dois encaram todos os desafios de qualquer dupla que sonha com um espaço no mercado sertanejo. Mas não sabem muito bem o que encontrarão pela frente, quando se fala sobre desafios e facilidades. “Tudo é muito novo. Pode acontecer qualquer coisa. Facilidade para fechar shows? Pode acontecer em varias ocasiões, mas teremos que fazer um bom trabalho para fecharmos as datas. Já, as comparações seriam injustas, apesar de existir. Somos uma dupla querendo conquistar nosso espaço e estamos enfrentando toda a diversidade do mercado. Os artistas próximos a nós são talentos épicos, seria covardia nos comparar com medalhões como eles. Preconceito pode existir, principalmente com meu parceiro. Ele vai provar pra todos os preconceituosos que não entrou nessa por ser filho e sobrinho de quem é ele. Entrou nessa porque é isso que ele sabe fazer, e faz muitíssimo bem”, comentou Dablio.

Sobre o fato de vir de uma família musical tão bem sucedida, Phillipe diz sentir uma responsabilidade grande. “Mas eu procuro sempre ficar tranquilo em relação a isso e focar no meu trabalho para poder dar meu melhor”. Com foco também, ele passa por cima do preconceito. “Já ouvi muitas pessoas me dizerem: ‘pra vocês é mais fácil’. Mas é sempre bom lembrar que essas ‘estrelas’, graças a Deus, já conquistaram o nosso país. Então lutamos pelo nosso espaço no mercado. Por isso me deixo livre de comparações, preconceitos justamente por ter plena consciência que assim como todos estamos correndo atrás. Mesmo porque Dablio e Phillipe é um produto muito novo e tem muita estrada pela frente”.

Agora, a dupla foca na divulgação do trabalho e na música “Lado Indecente” e planeja os próximos passos. “Temos muitos planos, como gravar um disco completo e também o DVD, mas só poderemos fazer isso depois que conseguirmos executar nosso planejamento”, explica Dablio, que ainda brinca: “O plano é conquistar o mundo”.

 

Autor: Tags:

quinta-feira, 10 de abril de 2014 Entrevista, Família, Sem categoria | 17:44

Luciano Camargo fala sobre relação com os filhos e revela que sentiu vergonha após a prisão de Wesley

Compartilhe: Twitter

Luciano Camargo fala sobre os filhos (Foto: Paduardo/AgNews)

Picture 1 of 15

Além de ser pai das gêmeas Isabella e Helena, de quatro anos, Luciano Camargo tem mais dois filhos: Nathan, de 19 anos, e Wesley, de 24. O primeiro, acaba de estrear na carreira musical formando a dupla Dablio e Phillipe.

Nesta quinta-feira (10), aliás, fará o show de abertura do Villa Mix Brasília, festival no qual Zezé Di Camargo e Luciano vão se apresentar também. “Não foi uma coisa imposta por mim. Os contratantes que chamaram para fazer. Estou super feliz”, comentou Luciano, antes de subir ao palco da casa noturna Villa Mix, em São Paulo, nesta quinta-feira (09).

Fã e incentivador do filho, Luciano tem usado o Instagram para divulgar um pouco do trabalho da dupla. Apesar da torcida, Luciano conta que em nenhum momento impôs a carreira musical para Nathan. Pelo contrário. “Isso partiu dele. Acompanhei a gravação. Me surpreendi. Porque via ele cantando no dia a dia, mas não imaginava que ele era tão disciplinado. Sempre quis que meus filhos seguissem outra carreira, porque é muito difícil. Hoje em dia, fazer sucesso é muito fácil, agora, ser sucesso é quase impossível. Mas tem milhões de pessoas tentando a fama e não conseguem. E você não quer isso para seu filho”, afirmou o cantor, que, ainda assim, apoia o sonho do filho.

Leia também: Após perder 20kg, Luciano Camargo diz: “Primeira vez que emagreci sem remédio”

Wesley

Durante o cruzeiro “É o Amor” de 2013, Luciano comentou que seus filhos eram como a tempestade e a bonança. Enquanto Nathan era a segunda parte, Wesley era a primeira. Em fevereiro, o rapaz foi preso após denúncia de agressão por parte da prima e da tia. De acordo com testemunhas, Wesley teria chegado bêbado em casa após passar a noite em uma boate e agredido as duas, em Goiânia.

Na ocasião, Luciano estava de férias com a família na Disney. “Fiquei com vergonha, claro, mas não foi nada que me fizesse deixar de ir num parque de diversões quando estava de férias. Fui ao parque, normal. Acho que depois que você assume maioridade, você responde pelos seus atos. Ele vai ter que responder com a justiça. Eu não posso fazer nada”, desabafou o cantor sertanejo.

Ainda assim, Luciano mostra que a representação que fez do filho um ano antes, não é mais a mesma. “O mais importante, é que esse menino, que até pouco tempo era uma tempestade na minha vida, depois que a filha nasceu, não foi mais tempestade. Infelizmente aconteceu isso…”, declarou ele, que se tornou avô de Maria Luiza em março de 2013.

Luciano contou também que, desde a prisão do filho, falou pouco com Wesley e, nenhuma delas, sobre o tema, seguindo recomendações de seu médico. “Quando aconteceu isso, eu estava viajando e meu médico, que cuida de mim há uns quatro anos, falou: ‘Luciano, para você poder viver bem com as pessoas, passe a ser espectador. Não queira atuar junto com eles no dia a dia. E quando der, você participa. E foi isso que fiz. Não interferi”, afirmou o cantor.

Sem defender nenhuma parte da família, Luciano apenas afirma: “Nada justifica um cara colocar a mão em uma mulher. Cada um conta uma história. Eu não defendi nenhum, mas acho que nada justifica. Está rolando um processo, ele tem 24 anos e vai ter que responder por isso”.

Luciano (Foto: Paduardo/AgNews)

 

Autor: Tags: ,