Publicidade

Posts com a Tag Dablio e Phillipe

terça-feira, 24 de março de 2015 CD, Parceria | 15:36

Tudo em família: Com dupla, Phillipe grava com o pai, Luciano, e o tio Leonardo

Compartilhe: Twitter
Dablio e Phillipe com Luciano e Leonardo (Foto: Reprodução/Instagram)

Dablio e Phillipe com Luciano e Leonardo (Foto: Reprodução/Instagram)

Dablio e Phillipe vão completar um ano de parceria em abril. E, para celebrar a data, a dupla fará o lançamento de “Era pra ser você”, uma faixa que já está no álbum da dupla, mas que ganhará participações mais do que especiais. A dupla convidou Luciano e Leonardo, nada menos do que o pai e o tio de Phillipe, para a parceria na interpretação de uma composição de Maiara, da dupla Maiara e Maraisa. A gravação aconteceu na noite desta segunda-feira (23), no estúdio de Eduardo Pepato. O clima de descontração no ambiente refletia o clima em família. Leonardo deixou o local primeiro do que todos, pois seguiria para o show do filho Zé Felipe. E enquanto Luciano gravava sua parte, Phillipe – ou Nathan – não poupava elogios ao pai.

Leia também: Dablio e Phillipe: “Nosso plano é conquistar o mundo”

Questionado sobre o apoio que dá para o filho, Luciano retribuiu os elogios e mostrou que nunca teve dúvidas sobre o futuro profissional do filho. “Como não apoiar? O Nathan tem música na veia. Lembro dele pequeninho cantando música do tio. Tinha uma música nossa que era ‘Pare’. E na introdução, ele cantava o nome de uma rádio fazendo até essa vinheta da rádio, de tanto que ele gostava da música. Nathan nasceu com isso. E ele é muito bom. Não é porque ele é meu filho. Mas ele é muito bom, muito melhor que o pai. E olha que o pai é muito bom”, afirmou Luciano, sempre bem humorado.

Sobre o nascimento da parceria, Luciano contou que a ideia surgiu de Dablio e Phillipe. “Quando eles gravaram o EP, eles já tinham a ideia de gravar com Leo e comigo. Falei que seria uma honra gravar com Leo mais uma vez, porque gravei com ele na época do ‘Amigos’ e, depois, no tributo ao Leandro. Mas nunca tinha gravado com Leonardo fazendo solo. Essa ideia ficou legal, acho que vão gostar. E cantar com meu filho, está sendo demais”.

Apesar do forte apoio, Luciano confessou que não entraria para empresariar a dupla. Mas não por acreditar no potencial Dablio e Phillipe ou por estar tudo entre família, mas por não achar que tem tino para empresário. “Não empresariaria, nenhuma dupla. Mesmo acreditando no potencial dos dois, acreditando no Dablio, que dessa geração que está agora surgindo, para mim, é uma das vozes mais bonitas, mais afinadas. Mas eu não tenho tino para empresário. Não tenho esse tino de investir, ficar preocupado se vai tocar. Para cantar e estar em cima do palco, é muito bom. Mas para estar entre esse meio de trabalho, eu não gostaria”, contou Luciano.

Leia também: Tudo em família: famosos que são parentes – Primos, irmãos, tios e sobrinhos. Alguns dos parentescos das celebridades que você nem sabia

Assista Luciano gravando um trecho de “Era pra ser você”:

Luciano fala sobre parceria com o filho:

Autor: Tags: , , , ,

domingo, 17 de agosto de 2014 Entrevista, Família, Música | 13:50

Dablio e Phillipe: “Nosso plano é conquistar o mundo”

Compartilhe: Twitter

Dablio e Phillipe (Foto: Divulgação)

Um levou sua carreira musical para as telonas e interpretou Zezé Di Camargo jovem no filme “Dois Filhos de Francisco”. O outro nasceu num meio completamente musical, tendo como pai, Luciano Camargo e, como tios, Zezé e Leonardo.

Em março de 2013, Dablio e Phillipe, que se conheciam desde o lançamento do longa, decidiram juntar forças e montar uma dupla sertaneja. “Liguei para o Phillipe e propus nos encontrarmos para bater um violão. No primeiro dia que cantamos juntos tivemos a certeza de que algo bom estava por vir”, contou Dablio. “Minha vida toda eu esperei a oportunidade certa para poder subir aos palcos. O Dablio me procurou após um destrato com seu antigo empresário e nos demos muito certo. Inclusive as vozes se encaixaram muito bem e assim começamos a nos dedicar para podermos lançar à dupla”, completou Phillipe, que disse ter sonhado com esse momento desde os tempos de criança.

“Acredito que todos já imaginavam. Isso foi amadurecendo ao longo dos anos. Minha família com certeza me deu todo apoio e carinho que pra mim é fundamental pra poder seguir em frente”.

Agora, os dois encaram todos os desafios de qualquer dupla que sonha com um espaço no mercado sertanejo. Mas não sabem muito bem o que encontrarão pela frente, quando se fala sobre desafios e facilidades. “Tudo é muito novo. Pode acontecer qualquer coisa. Facilidade para fechar shows? Pode acontecer em varias ocasiões, mas teremos que fazer um bom trabalho para fecharmos as datas. Já, as comparações seriam injustas, apesar de existir. Somos uma dupla querendo conquistar nosso espaço e estamos enfrentando toda a diversidade do mercado. Os artistas próximos a nós são talentos épicos, seria covardia nos comparar com medalhões como eles. Preconceito pode existir, principalmente com meu parceiro. Ele vai provar pra todos os preconceituosos que não entrou nessa por ser filho e sobrinho de quem é ele. Entrou nessa porque é isso que ele sabe fazer, e faz muitíssimo bem”, comentou Dablio.

Sobre o fato de vir de uma família musical tão bem sucedida, Phillipe diz sentir uma responsabilidade grande. “Mas eu procuro sempre ficar tranquilo em relação a isso e focar no meu trabalho para poder dar meu melhor”. Com foco também, ele passa por cima do preconceito. “Já ouvi muitas pessoas me dizerem: ‘pra vocês é mais fácil’. Mas é sempre bom lembrar que essas ‘estrelas’, graças a Deus, já conquistaram o nosso país. Então lutamos pelo nosso espaço no mercado. Por isso me deixo livre de comparações, preconceitos justamente por ter plena consciência que assim como todos estamos correndo atrás. Mesmo porque Dablio e Phillipe é um produto muito novo e tem muita estrada pela frente”.

Agora, a dupla foca na divulgação do trabalho e na música “Lado Indecente” e planeja os próximos passos. “Temos muitos planos, como gravar um disco completo e também o DVD, mas só poderemos fazer isso depois que conseguirmos executar nosso planejamento”, explica Dablio, que ainda brinca: “O plano é conquistar o mundo”.

 

Autor: Tags: