Publicidade

Posts com a Tag Irmãs Galvão

terça-feira, 2 de julho de 2013 CD, DVD, Música | 17:08

As Galvão lançam CD com três inéditas e planejam DVD para 2013 só com participações femininas

Compartilhe: Twitter

Meire e Marilene, As Galvão (ou eternas Irmãs Galvão) (Foto: Divulgação)

Com 66 anos de carreira, Meire e Marilene, mais conhecidas como Irmãs Galvão – hoje, As Galvão –, estão cheias de novidades. A primeira é o lançamento de um CD com os clássicos da dupla, ou como Meire afirmou em entrevista ao iG, “com as músicas dos shows que são obrigatórias e que o povo ama de paixão”. O novo álbum traz também três canções inéditas.

A segunda novidade é que a dupla acaba de ganhar um Memorial em Sapezal, no interior de São Paulo, cidade em que nasceram artisticamente com uma apresentação na Rádio Club Marconi. “Está com fotos de nosso acervo, toda nossa história, na cidade em que começamos a cantar. Saímos de lá há 66 anos e, voltar com todas essas honras… O coração está batendo na garganta até agora. Foi um xororô danado”, comentou Meire, sobre a inauguração do Memorial, que aconteceu no último 30 de junho. O corte da fita foi marcado com um show da dupla.

A terceira boa nova da carreiras de As Galvão é a gravação de um DVD ainda este ano. Sem detalhes ainda sobre data e local, Meire e Marilene só têm uma certeza. E esta é em relação às participações especiais. “Nosso pensamento é levar só mulheres. Porque homem, só leva homem. Então vamos levar só mulher para prestigiar”, defendeu Meire.

As irmãs Meire e Marilene, ainda na adolescência (Foto: Divulgação)

Aproveitando o ensejo, ela, que é uma das madrinhas da dupla Bruna e Keyla, falou sobre as meninas. “São maravilhosas, com um canto bonito e para frente. Estão trazendo uma proposta nova. Lindas, de cabeça aberta, temos certeza será grande sucesso”, elogiou a cantora. Questionada se falta mulher no mercado sertanejo, ela foi direta: “Existem poucas, mas as que têm, são de muita qualidade”. Como nomes de destaque, Meire citou Leide e Laura e Paula Fernandes.

Beijinho Doce, mudança no nome e a força do mercado sertanejo para todos

Além das novidades, Meire falou sobre a mudança do nome de carreira. A troca de “Irmãs Galvão” para “As Galvão” aconteceu há oito anos, inspirada na numerologia. “Indicaram para nós. Foi muito bom, mas a maioria dos programadores não aceitaram e cada vez que vão anunciar nossa música, pedem desculpas e falam ‘as eternas Irmãs Galvão’. (risos). Não deixamos de ser irmãs, né?”, contou Meire.

Ela ainda falou sobre o sucesso “Beijinho Doce”, clássico da carreira da dupla, que fez parte da novela “A Favorita”. Para quem não acompanhou a trajetória das irmãs, a trama deu a oportunidade de o público saber um pouco mais sobre o trabalho delas. Embora ainda tenha gente que acredite que a canção fosse apenas uma composição especial para a trama. “’Beijinho Doce’ é uma musica mágica. Toda vez que é apresentada, ela faz sucesso. Toda gravação que sair em torno dela, pode ter certeza que será sucesso”, comentou Meire.

Diferente do que acontece com muita banda ou dupla, ela garante que a inclusão da música na trilha da novela não fez muita diferença na agenda. “Sempre tivemos um número certo de shows e trabalhamos o ano todo, apesar dos novos artistas que chegam, que aliás, só ajudam a música caipira”.

Com uma média de 15 shows por mês, elas fazem questão de elogiar a nova safra do mercado. “Para nós, é tudo de bom. A gente vê o outro lado. Eles fazem esse sucesso todo, abrem caminhos, aí a moçada quer saber a origem desse sucesso todo. E, quando vão procurar a música de raiz, encontram a gente. Por isso, só fortalece”. Com quase sete décadas de carreira, Meire e Marilene nem pensam em se aposentar. “Estamos vivendo um momento muito bonito da nossa carreira. Está tão bom. Porque parar?”.

Assista As Galvão cantando ‘Beijinho Doce’ com Milionário, parceiro musical de José Rico, durante aniversário do cantor:

As Galvão durante o lançamento de mais um CD (Foto: Rosa Marcondes)

Autor: Tags: , , , , ,